A conclusão é de cada um

Quem de nós nascidos na década de 1980 sabe o que representou Wilson Simonal no cenário musical brasilerio? Sim, a gente ouve falar de Roberto Carlos e músicos da Jovem Guarda, Tropicália e Bossa Nova. Mas Wilson Simonal pouca vezes é lembrado. Minha ignorância musical me limitava saber que era pai de Simoninha. Só! Tsc, tsc, tsc, muuuito pouco… além de cantor de sucesso, foi apresentador de TV, comediante e tinha uma capacidade de comunicação que olha, deixa muita gente de televisão de hoje no chinelo.

Do sucesso para o ostracismo. Foi assim a vida de Simonal desde que denunciou de roubo o ex-contador para o DOPS na época da ditadura. Aí, a carreira de sucesso foi para o lixo. Ficou tachado de dedo-duro no meio artístico que simplesmente o segregou. Simonal morreu de fato em 2000 por cirrose, mas desde de 1971 era um morto-vivo.

Falo tudo isso porque ontem assisti ao bom documentário Simonal: Ninguém sabe o duro que eu dei, que estreiou nessa sexta-feira. O mais legal é que é o próprio telespectador quem tira as próprias conclusões. O ponto alto vídeo fica por conta do momento em que o ex-contador fala sobre o que tudo aconteceu, segundo sua versão. Certo ou errado? Nem 8, nem 80… Vale a pena assistir!

 

3 respostas para A conclusão é de cada um

  1. André disse:

    Nossa, quero ver! O.o
    Até sir Ziraldo tá no bagulho😉

  2. R. Paschoal disse:

    Registros sobre a MPB são sempre válidos. Ainda mais quando mostram o quanto que a política podia corrompê-lo.

  3. carlinho disse:

    a conclusão vem do entendimento das pessoas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: