Por dentro do filme Teste de Elenco

A gente que é blogueiro de cinema escreve sobre filmes e muitas vezes não se dá conta do trabalho que é entregar um projeto pronto. As etapas são inúmeras e especificamente no Brasil, as dificuldades imensas. Pensando nisso, o CINEBUTECO entrevistou um diretor de cinema para saber como é todo o processo. Nosso entrevistado é Ian SBF da FONDO Filmes que está em campanha pela divulgação de seu primeiro longa: TESTE DE ELENCO. A equipe do filme está apostando pesado na divulgação pela internet e a gente apoia a iniciativa, principalmente porque é uma produção independente que quer mostrar trabalho.

Ian, conta um pouco da sua carreia no cinema. Este é seu primeiro longa? O que o público pode esperar de Teste de Elenco?

Olá! Eu vim dos quadrinhos… e parei há muito tempo pra fazer cinema. Fiz um monte de curtas com a câmera VH-S da minha mãe e pouco a pouco fui subindo de nível (pelo menos comecei a fazer os curtas em digital). Mas posso dizer que a minha carreira em cinema começou com o meu primeiro curta em película que fiz em 16MM, “O Lobinho nunca mente”. Foi um curta que escrevi e dirigi, onde o Fábio Porchat atua. Por causa desse filme, eu e o Fábio abrimos a nossa produtora, a FONDO FILMES. Em 2008 fizemos um outro curta “15 minutos de tolerância” em 35MM e então resolvemos passar pros longas. TESTE DE ELENCO é o meu primeiro longa e o primeiro da FONDO também. E o que o público pode esperar do filme é uma comédia que foi feita com quase nenhum dinheiro, mas que exatamente por isso ganha em vários outros fatores. Nós conseguimos fazer um filme muito engraçado e ao mesmo tempo com uma proposta diferente. Eu falo sem medo que é um filme muito engraçado, pois na abertura do FBCU (Festival Brasileiro de Cinema Universitário) desse ano nós pudemos ver que o público realmente gostou e se divertiu. Foi com certeza o melhor momento da minha vida de cineasta. Ver que eu realmente consigo fazer um longa metragem que agrade o público.

Pelo trailer, Teste de Elenco parece trazer um humor ácido, daqueles em que o público se diverte com situações constrangedoras que não gostariam de passar, mas adoram ver os outros passando. É nessas situações que o filme se baseia?

Totalmente. Acho que metade da graça do filme são as situações constrangedoras. Eu sei que o Fábio assistiu muito “The Office” pra fazer esse filme. E vou te falar que muitas vezes você nem vai gostar de ver os outros passando por essas situações. O monólogo mesmo do Fábio que acabamos de lançar no nosso blog já deixou algumas pessoas desconfortáveis. Bom, isso não deixa de ser engraçado!

O gênero comédia é considerado um dos mais difíceis de se fazer. Como foi essa experiência de conseguir prender a trama num teste de elenco? Dá para se tirar boas histórias desses testes?

Quando eu penso em fazer comédia, eu acho absurdo! Não dá pra fazer… Analizando, é impossível fazer uma piada que funcione. Mas ao mesmo tempo, sempre que eu sento pra escrever alguma coisa, eu escrevo uma comédia. Eu acho que o truque é sempre escrever sobre alguém se dando mal. Eu tenho uma teoria… o ser humano só se diverte com a desgraça alheia. Não existe outra fonte de diversão. Então se pensarmos por esse lado… não é tão difícil. E se tem um lugar onde as pessoas se desgraçam é em um teste de elenco. Pra começar 80 pessoas fazem um teste pra uma passar… Isso quer dizer que 79 se deram mal. hahaha. E pior, a maioria fez por onde.

capa blog

Pelo que eu vi no blog do filme, vocês já fizeram duas exibições do filme. Qual foi o feed-back da galera? Precisou alterar alguma coisa na edição (à la Fernando Meireles em Cegueira)?

Como eu disse antes, nossas primeiras exibições foram inacreditáveis. Eu realmente não esperava que o público fosse gostar tanto do filme. Isso me animou tremendamente. Mas com certeza durante essas exibições nós pudemos ver alguns pontos que não estavam funcionando tão bem. Algumas piadas que não deram certo…. e várias piadas internas que deram muito certo só pra nós! Então nós fizemos um último corte depois disso. Nós realmente não temos nenhum problema em fazer o filme pro público. Minha única vontade em fazer cinema é entreter um monte de gente de uma vez só…

4 respostas para Por dentro do filme Teste de Elenco

  1. Paula Lopes disse:

    Aeeee, Ian!!!!
    O teste de elenco vai ser um sucesso, tenho certeza!!!!

  2. ciceromelo disse:

    Fernando, parabens pelo post e trabalho de divulgação! Ótimo exemplo pra quem quer começar na área! A Internet é um dos melhores meios de divulgação!

  3. Mona Melo disse:

    Gostei… espero que estoure..

  4. Felipe Ramos de Abreu disse:

    Olá! primeiro gostaria de parabenizar o filme , mas gostaria de saber se ele ira sair em dvd , para as videolocadoras e se tem como me mandar por email o filme , ou o link pra mim baixar , pois aqui em RIO CLARO , varios dos meus amigos que são fãns de voces querem ver ! espero resposta🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: