Simplesmente Compicado


O filme é da diretora Nancy Meyers, mas bem que ele poderia ter sido dirigido por Manuel Carlos. Esta foi a conclusão após ver Simplesmente Complicado, tendo no elenco o talento de  Meryl Streep e também os astros Alec Baldwin e Steve Martin que mandou muito bem no papel dramático.

Parecia Manuel Carlos  porque todo mundo é bonito, rico, não se sabe o que é lazer e o que é trabalho. Tudo é tão legal e fácil que o País das Maravilhas bem que poderia ser no local onde se passa o filme, e não aquele que Alice enfrenta ao cair no buraco atrás do coelho.

A história trata dos relacionamentos afetivos de adultos de meia-idade, já com os filhos criados e em busca de uma motivação para continuar vivendo. De modo particular, Jane (Meryl Streep) parece andar meio perdida na vida. Separada há 10 anos, os filhos estão fora de casa e enfim ela tem o resto da vida pra curtir do modo como bem entende, mas sozinha, que graça tem?

Aí, na formatura do filho caçula, ela começa a ter um caso com o ex-marido (Alec Baldwin) que também vai ao evento do filho . Os momentos e situações passadas surgem como lembranças agradáveis. Não demora e logo na semana seguinte da formatura os dois começam a ter um caso. É engraçado ver as cenas que a  ex-mulher, agora encarna a amante e todas as situações não tão agradáveis de não ser a “principal”. Ainda assim, ela encara numa boa, tentando não se apaixonar de novo pelo homem que fora casada por quase 20 anos.

E bem como na vida real, quando aparece alguém aparece outras pessoas (não é assim com vocês também?). O arquiteto Adam (Steve Martin) surge para apresentar um projeto de reforma na casa de Jane e como quem não quer nada, acaba se aproximando, tendo a solidão como o elo entre os dois.

O filme tá dado! O que se vê entre o enredo são ótimas cenas de comédia e boas interpretações de elenco. E o mais bacana é ver que crise existencial todos temos a vida toda e não só na adolescência. O que muda é a experiência que a gente vem carregando junto com os anos.

Simplesmente Complicado não é nada demais, apenas uma ótima pedida para se divertir. Minha dica: assista num fim de domingo, para tentar deixá-lo menos pior. A mim funcionou🙂

Dúvida à parte do filme para quem já assistiu: alguém mais ficou com água na boca de vontade de comer croissant de chocolate saído do forno? Que delícia.

6 respostas para Simplesmente Compicado

  1. Adorei esse filme Fernando. Na verdade, adoro Nancy Meyers. Seus filmes sempre primam por uma comédia mais sofisticada. Alec Baldwin está um arraso e aquele croissant… rsrs

    Abs

  2. Alan Raspante disse:

    Bem eu até ia assistir esse filme no cinema, mas nem fui, pois sei que esse filme funciona mais vendo em casa na onde você pode quebrar o DVD, do que no cinema, rs
    Boa crítica !

  3. Vinícius P. disse:

    Também me diverti com o filme, mas é um dos mais fracos que já vi da Nancy Meyers. Piadas poucos inspiradas num filme que é salvo pelo elenco.

  4. Estou encomendando agorinha mesmo no Tio Torrent. A esta altura, já deve ter dvd rip;
    😀

  5. Amanda Aouad disse:

    Realmente, bem divertido, eu curti bastante e por coincidência também vi em uma tarde de domingo, hehe. É simples, com um ritmo fácil e sem grandes pretensões.

    E sim, fiquei com muita vontade de provar o tal croissant de chocolate.

    bjs

  6. Eu achei puramente bobo, mas é bom de se ver!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: