Cinema Nacional vai às Universidades

Despertar o interesse pelo cinema nacional, exibir filmes que foram pouco vistos nas salas de cinema convencionais e promover discussões sobre nossa cinematografia e sociedade a partir dos filmes selecionados é a proposta do CINE B, realizado pela Brazucah Produções em parceria com o Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e região.

O CINE B é um projeto, que já exibe filmes em espaços comunitários para pessoas que não tem acesso ao cinema, seja por questões financeiras, distância das salas de exibição ou de hábito, como proposta de democratização cultural. Foram mais de 16 mil espectadores em cerca de 130 exibições, em 3 anos de projeto.

Nesse mês de maio o CINE B inicia um novo projeto em conjunto com a Brazucah que levará filmes nacionais às Universidades, com a proposta de formação de publico para o cinema brasileiro, já que algumas pesquisas apontam que os jovens entre 18 e 22 anos são os maiores freqüentadores de cinema e esse público se encontra justamente dentro das universidades.

No projeto, os filmes escolhidos geralmente estiveram em cartaz nos cinemas por pouco tempo. As regras desse mercado são cruéis e geralmente não é possível que a propaganda boca a boca funcione e o filme amadureça na sala de cinema. O projeto aparece para dar maior vida útil ao filme e levá-lo para as universidades, ao conhecimento de jovens que nem sabiam de sua existência e propor discussões sobre o tema retratado e o próprio cinema nacional.

O CINE B NAS UNIVERSIDADES inicia o circuito com as exibições dos filmes:

LONGA METRAGEM: “SIMONAL, NINGUÉM SABE O DURO QUE DEI”

De Cláudio Manoel, Micael Langer e Calvito Leal.

A trajetória do ex-cabo do exército Wilson Simonal, que se tornou cantor de grande sucesso nos anos 60. Lançado por Carlos Imperial, Simonal vendeu milhões de discos e lotou estádios em

seus shows até ser condenado ao ostracismo devido à acusação de que era informante da ditadura militar, o que sempre negou.

CURTA-METRAGEM: LEVANTE A SUA VOZ

Do Coletivo Intervozes de Pedro Ekman.

Vídeo documentário produzido pelo Intervozes Coletivo Brasil de Comunicação Social com o apoio da Fundação Friedrich Ebert Stiftung remonta o curta Ilha das Flores, de Jorge Furtado, com a temática do direito à comunicação. A obra faz um retrato da concentração dos meios de comunicação existente no Brasil.

PROGRAMAÇÃO

Onde

Quando

Horário

Endereço

Uniban

26 / maio

20h

Av. dos Autonomista, 1.325 –
Osasco

ifesp

1° junho

17h

Estrada do Caminho Velho, 333 Bairro dos Pimentas – Guarulhos

Up-date: Hoje na sessão da Uniban tem a presença do Max de Castro e do Simoninha para debater o documentário sobre o pai deles, o Simonal. Vale à pena prestigiar!



4 respostas para Cinema Nacional vai às Universidades

  1. Humberto disse:

    O que me irrita no novo cinema nacional é que tem que ser aquelas baboseiras da Globo Filmes, com o Selton Melo interpretando todos os papéis ou, pior, as “comédias” do Daniel Filho. Eu acho uma lástima.

    Eu gosto de cinema nacional e torço por ele, mas tem muito caminho a trilhar ainda. Fazer cinema no Brasil deve ser uma dureza só.

    Abração Fernando.

  2. É isso aí Fernando. Essa é a diferença na cobertura do cinema. Destacando o que merece ser destacado. Ficou a pampa a sua matéria. ABS

  3. A proposta é bacana, mas faltam filmes nacionais com uma ótica mais fantasiosa. Temos tanta riqueza folclórica para ser explorada, e a maioria dos filmes só remete à violência ou a época da ditadura. Sei que estou generalizando, mas é só dar uma espiada nos curtas que a MultiRio produz para as escolas municipais para ter uma idéia do potencial que temos em mãos e acaba sendo negligenciado.

  4. Humberto disse:

    Disse tudo Rafael.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: